jump to navigation

NO DIVÃ COM CAIO FÁBIO setembro 18, 2008

Posted by Carlos Barreto in Cartas, Reflexões.
trackback

MATEI A MINHA IRMÃ !!!

Caio, 

Vinte anos atrás eu amei um homem e amo até hoje. Mas ele casou com outra mulher, mas nunca me deixou… 

Caio, a gente não transava. Ele é pastor de uma igreja muito cheia de lei e dizia que se não transássemos não era pecado. 

Foram anos e anos de masturbação… Até pro motel a gente ia para ficar rolando de roupa, só umas vezes sem roupa, mas não fazíamos sexo. 

Mês passado a mulher dele (minha amiga de infância) se matou tomando remédios. 

Tô doida de culpa e tudo o mais, Caio.

 

Ela nunca soube de nada, mas será?

 

Estou morrendo de angustia e medo de tudo.

 

Me ajude.

 

_____________________________________

 

Resposta:

 

 

Minha amiga: Graça e Paz!

 

 

Somente hoje cheguei à sua carta. Pelo visto tudo já faz dois meses agora.

 

O que posso dizer a você?

 

Primeiro: Devo dizer que seu “amigo-amante” é louco, pois, quem fica em tal estado vinte anos sem ser insano?

 

Segundo: É o que acontece nas igrejas nas quais a imagem é o culto. Pois, em tais grupos, qualquer pecado é ainda melhor do que uma má imagem aos olhos dos outros.

 

Terceiro: Que há entre “evangélicos” um grupo crescente de pessoas que vivem assim: não trepam e nem saem de cima; não chovem e nem molham — e, tudo, a fim de manterem o pecado como sombra. São os tais “amores no espírito”; e que são evocados a fim de “santificar tesões” impossíveis nesses meios religiosos.

 

Quarto: Que tanto faz ficar de platonismos assim como esse, ou, ao invés, ir e fazer, pois, o pecado é o pecado nas entranhas do ser, e não na colcha do motel.

 

Quinto: Que tais energias vazam, e, para uma mulher que ame seu marido, mesmo que não tenha informações, e, não sendo ela uma surtada de ciúmes infundados, em geral, a mulher sabe mesmo quando não tem o informe.

 

Sexto: Que possivelmente a mulher tenha se matado pelo “conjunto da obra”, e não apenas em razão de você. Afinal, para viver assim 20 anos, esse homem tem que ter feito muito mal a essa mulher mesmo que ela nunca tenha sabido de nada, pois, tais males, não precisam de palavras e nem de discussões, posto que a energia do amor ou desejo por outro [a], sempre deixa impressões fortíssimas em um cônjuge que fique exposto a tal vazamento psicológico e mental.

 

Agora, o que fazer?

 

Ora, é hora de grande arrependimento e de muita contrição.

 

Leia o Salmo 51 como se você o estivesse escrevendo para Deus. Leia também o Salmo 32, no mesmo espírito.

 

Agora, saiba:

 

Dificilmente você terá paz para ser feliz com o “amigo-amante”, agora que a mulher se foi, e, principalmente, do modo como foi.

 

Não estou “profetizando nada”. Apenas lhe digo o que a experiência me ensina.

 

Leia o site. Procure palavras como Graça, Perdão, Arrependimento, ou, ainda, links como os seguintes:

 

PROFECIA DE MORTE!

 

OBSESSÃO COMO AMOR – que doença!

 

QUANDO A “FIXAÇÃO” PASSA POR AMOR

Agora, é fazer o seu melhor. Sem culpas perenes, mas apenas, por enquanto, com a sadia tristeza que gera vida e paz.

 

 

Mas saiba:

 

 

Não dá pra brincar de amar e de ter algo com alguém sem que isto já seja uma vereda de morte e de muita dor.

 

Receba meu amor no Senhor e minhas orações!

 

 

 

Nele, que sabe tudo o que implica a partir de nossas vidas, e que perdoa a quem, como Davi, salmodia em arrependimento sincero,

 

Caio

 

18 de setembro de 2008

Lago Norte

Brasília

DF

 

 

Anúncios

Comentários»

1. Jon - setembro 19, 2008

Gracias por este tema

Tome ventaja tiene mucho

Y doy las gracias a los que en este sitio


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: