jump to navigation

Soma não zero junho 17, 2008

Posted by Alexandre Araújo in Outros, Reflexões.
Tags: ,
add a comment

Há um debate nas ciências e em toda a reflexão filosófica que sempre de novo ressurge e que está presente também na cotidianidade de nossa existência. Olhando as coisas como estão no mundo, seja no seu aspecto social e ecológico – os desastres que estão ocorrendo com milhares de vitimas – seja considerando a nossa própria vida, cheia de contradições, de parcos momentos de felicidade e longos de tribulação, nos interrogamos: a vida tem mesmo sentido? Não é tudo um jogo contraditório, onde crimes se misturam com virtudes, esperteza se junta com generosidade e farisaísmo com retidão? Não raro encontramos pessoas que de fora se mostram gentis e ternas, mas que de perto se revelam voluntaristas e, não raro, muito autoritárias.

Costumamos dizer que essa é a condition humaine que nos faz sapientes (sapiens) e simultaneamente dementes (demens). Com efeito, somos a coexistência sofrida desses contrários. Será sempre assim? Conseguiremos, em nossa vida, imitar Deus que escreve direito por linhas tortas?

Estas angustias não poupam pessoas religiosas e até intelectualmente bem formadas. A fé não tira o fiel destas obscuridades. Que o digam os místicos como São João da Cruz que fala da “noite escura dos sentidos” onde todos os deleites da vida desaparecem e a aridez assola a alma. Mas isso é apenas o começo. Depois virá “a noite do espírito”. Esta é “terrível e amedrontadora” porque mergulha a alma na experiência do inferno e na completa ausência de Deus.
(mais…)